VMware conclui aquisição da Carbon Black, cria unidade de segurança e lança soluções para levar proteção intrínseca às empresas

 

Nova unidade de negócio será liderada pelo ex-CEO da Carbon Black

 

Soluções permitirão que clientes implementem uma tecnologia que oferece proteção automatizada, ampla e proativa a aplicações, dados e usuários críticos, independentemente de onde eles estejam

 

São Paulo, 13 de novembro de 2019 - A VMware, Inc. (NYSE: VMW) apresenta novas soluções e expansões que aprimoram a visão de segurança intrínseca das empresas, tornando-as mais automatizadas, proativas e amplas. Desta forma, a VMware reduz o risco para aplicações críticas, dados confidenciais e usuários, diminuindo a superfície de ataque entre nuvens, data centers, usuários finais e a edge da empresa. Para apoiar essa visão, a companhia anuncia:

  • Que a Dell fará da Carbon Black Cloud, juntamente com a Dell Trusted Devices e Secureworks, a solução preferida de segurança para endpoints de clientes comerciais da empresa.
  • Nova detecção e prevenção de ataques distribuídos do VMware NSX.
  • Novo VMware NSX Federation para configuração e gerenciamento consistentes e centralizados de políticas de rede e segurança para implementações em larga escala do NSX.
  • Recursos aprimorados de desempenho, flexibilidade e usabilidade do firewall de filial VMware SD-WAN.
  • Atualizações do VMware Secure State que reduzem o risco da nuvem pública e melhoram a postura de segurança.
  • Uma nova arquitetura de segurança Zero-Trust para o espaço de trabalho digital.

“A VMware acredita que precisamos parar de adicionar mais complexidade para solucionar os desafios de segurança cibernética e, em vez disso, usar nossa infraestrutura como parte da solução. Em suma, devemos tornar a segurança intrínseca,” afirma Sanjay Poonen, chief operating officer de Customer Operations da VMware. “Estamos tirando o poder dos invasores para dar aos defensores, removendo a complexidade inerente à segurança cibernética por meio de um portfólio abrangente que inclui os pontos críticos de controle: rede, endpoint, workload, identidade, nuvem e analytics. Como estamos integrados, conseguimos estar em todos os lugares em que aplicações, dispositivos e usuários residem. Isso nos dá um ponto de vista único para ser informado sobre o que está acontecendo no ambiente de um cliente. Com esse conhecimento, podemos ser proativos no fortalecimento dos ambientes deles, prevenindo melhor as ameaças.”

 

Uma abordagem intrínseca para workloads e segurança de endpoints

 

Com o fechamento da aquisição da Carbon Black em outubro de 2019, a VMware lançou uma nova unidade de negócios (B.U.) de segurança sob a liderança do ex-CEO da Carbon Black, Patrick Morley. A nova B.U. se concentra em ajudar os clientes com proteção abrangente de endpoints, cargas de trabalho e análises avançadas de segurança cibernética para ajudar a interromper ataques cibernéticos sofisticados e acelerar o tempo de resposta. Como o primeiro passo nessa jornada, a VMware oferecerá várias novas soluções Carbon Black Cloud para os clientes, incluindo:

 

Carbon Black Endpoint Standard: antivírus de última geração combinado com detecção e resposta de endpoints

 

Carbon Black Endpoint Advanced: Carbon Black Endpoint Standard combinado com consulta e correção em tempo real

 

Carbon Black Endpoint Enterprise: consulta e correção em tempo real do endpoint combinadas com busca avançada de ameaças e resposta a incidentes

 

Carbon Black Workload: novo complemento avançado de proteção de carga de trabalho na nuvem para o VMware vSphere

 

VMware Workspace Security: combina a melhor detecção de ameaças de comportamento, antivírus de próxima geração e soluções de análise e correção de espaço de trabalho digital

 

Carbon Black Endpoint Standard com Secureworks Threat Detection e Response: combina a melhor detecção e resposta de antivírus e endpoint com um aplicativo avançado de análise de segurança e telemetria de segurança expandida para além do endpoint até a rede e a nuvem

 

A VMware também aprimorou a parceria com a Dell que tornará o Carbon Black Cloud, juntamente com os dispositivos Dell Trusted Devices e Secureworks, a melhor solução de segurança para endpoints para clientes comerciais da Dell. A parceria levará a proteção avançada e de última geração da Carbon Black para empresas de todos os tamanhos de forma direta.

 

Redefinindo o data center in-house e a segurança multicloud


O VMware NSX foi a primeira solução a viabilizar a microssegmentação, tanto financeira quanto operacionalmente, possibilitando aos clientes evitar com mais facilidade a disseminação lateral de malware dentro do data center (DC). Agora, a empresa está lançando a detecção e prevenção de intrusões distribuídas do NSX (IDS/IPS), elevando o firewall interno da camada 7 da plataforma NSX a um nível totalmente novo. O NSX Distributed IDS/IPS é único, pois tira proveito do entendimento intrínseco da VMware dos serviços que compõem um aplicativo e combina assinaturas de IDS/IPS com partes específicas de um aplicativo. Isso significa que um servidor Apache ou Tomcat obterá apenas assinaturas relevantes para ele.

 

O resultado será desempenho e precisão muito mais altos por meio de uma menor taxa de falsos positivos. O Firewall definido pelo VMware Service com NSX Distributed IDS / IPS permitirá que os clientes segmentem suas redes de maneira micro e bloqueiem o tráfego interno de credenciais roubadas e máquinas comprometidas.

 

O NSX Intelligence foi apresentado recentemente como um sistema avançado para analisar o tráfego de cargas de trabalho e gerar automaticamente políticas de segurança. O NSX Federation é um novo recurso que permitirá aos clientes implantar e aplicar de forma consistente as políticas de segurança geradas pelo NSX Intelligence em vários DCs. O NSX Federation ajudará as empresas a simplificar a recuperação e prevenção de desastres, e compartilhar recursos de aplicações entre os data centers. As operações convergentes simplificam a arquitetura geral de segurança e facilitam o gerenciamento de políticas de segurança, demonstram conformidade e fornecem um contexto holístico para a solução de problemas da área. Esse tipo de eficiência e flexibilidade não pode ser correspondido pelos dispositivos tradicionais "avançados" e é uma grande diferença entre sistemas definidos por hardware herdados e proprietários e uma solução de software aberta e escalável, como o VMware NSX.

 

O VMware Intrinsic Security aborda a edge dos Serviços de Acesso Seguro


Conforme descrito pelo Gartner, “as ofertas de Secure Access Services Edge (SASE) fornecerão acesso seguro 'definido por software' com base em políticas a partir de uma malha de rede infinitamente personalizável, na qual os profissionais de segurança corporativa podem especificar com precisão o nível de desempenho, confiabilidade, segurança e custo de cada sessão de rede com base na identidade e contexto.”

 

A VMware aborda o SASE por meio de uma rede global em nuvem de vários serviços, que se estende do on-premise à nuvem, da edge ao usuário final, além de recursos integrados de rede e segurança de rede fornecidos pelo VMware SD-WAN. Esta solução é única devido aos milhares de gateways que são executados em centenas de pontos de presença em todos os principais provedores de nuvem. Além disso, a VMware está adicionando novos recursos ao firewall de ramificação SD-WAN interno para permitir uma definição mais simples de políticas, desempenho aprimorado e registro para atender a requisitos de segurança corporativos rigorosos. O firewall de filial da solução fornece aos clientes segurança integrada e acesso automatizado e baseado em políticas aos serviços avançados de segurança dos parceiros, incluindo filtragem de URL, gateway da web seguro, recursos anti-X, agentes de segurança de acesso à nuvem (CASB) e isolamento da web.

 

Gerenciamento proativo do risco de nuvem pública

 

O VMware Secure State oferece uma abordagem de segurança interconectada que permite uma visibilidade profunda dos relacionamentos de serviço em nuvem e correlaciona riscos devido a configurações incorretas e ameaças na infraestrutura multicloud. A verificação contínua da postura geral de segurança e conformidade no início do processo de CI / CD é o próximo passo lógico para tornar a segurança mais proativa, automatizada e escalável para usuários com multicloud. Para ajudar os clientes a alcançarem isso, a VMware abriu as APIs do VMware Secure State Findings, que permitirá que os clientes construam grades de proteção no pipeline de provisionamento de infraestrutura. As regras nativas do VMware Secure State ou políticas personalizadas permitem a verificação seletiva das configurações quase em tempo real durante o teste e a preparação da infraestrutura da nuvem. A detecção inicial de problemas de segurança e conformidade ajudará as empresas a escalar a segurança na velocidade da nuvem, minimizando o risco que está sendo introduzido na infraestrutura pronta para produção e acelerando o tempo de lançamento de aplicações em nuvem pública.

 

Simplificando o acesso Zero Trust a qualquer aplicação no espaço de trabalho digital

 

A VMware apresenta ainda uma arquitetura de segurança Zero Trust para ajudar os clientes a modernizar sua abordagem à segurança do espaço de trabalho digital. A arquitetura descreve como reunir gerenciamento de dispositivos e conformidade; acesso condicional; túnel e proxy de aplicativos; análise de risco; e correção e orquestração automatizadas para permitir um modelo de segurança Zero Trust. O Workspace ONE é a única plataforma de espaço de trabalho digital que pode reunir essas peças do quebra-cabeça para a equipe de TI.

 

Juntamente com a Dell, o Workspace ONE adiciona novos recursos para oferecer aos clientes uma experiência de PC mais segura com o Dell Technologies Unified Workspace. Isso inclui conformidade e recursos mais fortes de proteção contra ameaças no nível do BIOS, como persistência do agente do Workspace ONE para recuperar o gerenciamento de dispositivos perdidos ou roubados, gerenciamento remoto das senhas de administrador do Dell BIOS, integração com a tecnologia Dell SafeBIOS para verificação contínua das configurações do BIOS e correção contra desvio de configuração.

 

A VMware continua a enriquecer seu ecossistema Workspace ONE Trust Network. Com a API Trust Network Ingest, os parceiros podem se integrar ao Workspace ONE Intelligence mais rapidamente, permitindo que os clientes aproveitem a integração mais cedo. A VMware também anuncia que Zscaler, Wandera e Zimperium se comprometerão a lançar suas integrações com o Workspace ONE Intelligence por meio desta API em breve.

 

Sobre a VMware

 

Os softwares da VMware capacitam a complexa infraestrutura digital do mundo. As ofertas de nuvem, rede, segurança e espaço de trabalho digital da empresa fornecem uma base digital dinâmica e eficiente para mais de 500 mil clientes globalmente, auxiliada por um ecossistema de 75 mil parceiros. Com sede em Palo Alto, Califórnia, a VMware está comprometida em ser uma força positiva, desde suas inovações revolucionárias até o seu impacto global. Para mais informações, acesse:

https://www.vmware.com/company.html.

 

Informações para a imprensa

RPMA Comunicação

Luciana Spacca – luciana.spacca@rpmacomunicacao.com.br

Letícia Gregório – leticia.gregorio@rpmacomunicacao.com.br

Maíra Porto – maira.porto@rpmacomunicacao.com.br